1 de jan de 2010

Feliz ano Novo !!!

Começa claro, mesmo estando de noite,
Ao zero todos os fogos explodem
E com fogo o mesmo que o ano termina,
Com esse fogo o ano começa.
Não vou falar da multidão de pessoas frenéticas,
Ávidas em saciar seus prazeres hedonistas
Muito menos dos que romperam o ano trabalhando,
Ou os esquecidos que nem o brilho da meia noite pode ver
Tamanha era a escuridão de sua vida.
Quero falar para todos, é um desejo democrático...
Para os belos, feios, playboys, policiais, padres, presos,
Pedreiros, pastores, professores, prostitutas e prostituídos,
Eu quero desejar a nós, aquela massa do réveillon,
A todos nós, “pessoas frenéticas”
Que o ano de 2010 passe sem muita pressa.